foto user
Paulo S.
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Paisagem Urbana/VOX CUT NAT
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Paisagem Urbana/VOX CUT NAT
voltar lista nav-leftnav-right
descrição
Não te prendam as regras

Sobe à árvore mais alta

Dança nu nas clareiras

Avança sobre rios imensos

Descobre margens alheias

Para que outras fogueiras te iluminem o caminho

Sintoniza o teu ritmo

Sem brilhantes ideias

Deixa-te guiar simplesmente

Profundo entendimento que não se reconhece no exterior

Há em ti quando falas muitas línguas e vidas passadas

Infinita extensão de linhas paralelas ou cruzadas

Muitas regras

Ainda que longa e constante a viagem deslocas-te no interior do círculo

Ou de qualquer forma geométrica à qual decidas obedecer

E te rodeia

Definindo limites supostamente ideais

Mas não

Começa com frequência a parecer que não

Quando sobre ti se abate o silêncio que parece abranger tudo

Entendes que não existe qualquer vedação

Além desse limite existem outros

Simultaneamente opostos e semelhantes

Nada te separa do que não consegues ver

Conceber

Sentir

Apenas a ilusão de que tens tudo sob controlo

Porque existem regras

Que deliberadamente reduzem o tempo e o espaço

De tal forma que deixará de existir espaço e tempo para as regras

Tudo terá de se transformar num qualquer momento

PS
exif / informação técnica
Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot SX540 HS
Exposição: 1/500
Abertura: f/5.0
ISO: 160
Distância Focal: 23393/1000
Software: PhotoScape
favorita de 8
galardões
Esta foto não tem galardões
VOX CUT NAT
Não te prendam as regras

Sobe à árvore mais alta

Dança nu nas clareiras

Avança sobre rios imensos

Descobre margens alheias

Para que outras fogueiras te iluminem o caminho

Sintoniza o teu ritmo

Sem brilhantes ideias

Deixa-te guiar simplesmente

Profundo entendimento que não se reconhece no exterior

Há em ti quando falas muitas línguas e vidas passadas

Infinita extensão de linhas paralelas ou cruzadas

Muitas regras

Ainda que longa e constante a viagem deslocas-te no interior do círculo

Ou de qualquer forma geométrica à qual decidas obedecer

E te rodeia

Definindo limites supostamente ideais

Mas não

Começa com frequência a parecer que não

Quando sobre ti se abate o silêncio que parece abranger tudo

Entendes que não existe qualquer vedação

Além desse limite existem outros

Simultaneamente opostos e semelhantes

Nada te separa do que não consegues ver

Conceber

Sentir

Apenas a ilusão de que tens tudo sob controlo

Porque existem regras

Que deliberadamente reduzem o tempo e o espaço

De tal forma que deixará de existir espaço e tempo para as regras

Tudo terá de se transformar num qualquer momento

PS
Tag’s: VIDA
comentários
galardões
Esta foto não tem galardões

Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot SX540 HS
Exposição: 1/500
Abertura: f/5.0
ISO: 160
Distância Focal: 23393/1000
Software: PhotoScape

favorita de (8)