foto user
Luis Filipe Correia
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Gentes e Locais/Penha Garcia
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Gentes e Locais/Penha Garcia
voltar lista nav-leftnav-right

Penha Garcia

fotografias > 

Gentes e Locais

2015-10-01 17:27:10
Ver no mapa
comentários (57) galardões descrição exif favorita de (88)
descrição
Penha Garcia é uma freguesia portuguesa do concelho de Idanha-a-Nova , com 128,42 km² de área e 748 habitantes (2011). Altitude média: 480m.

A região é fértil em vestígios pré-históricos e romanos, estes últimos bem documentados nas ruínas da capela de S.Lourenço.

De um castro lusitano, em que a serra de Penha Garcia é abundante, deve ter resultado a actual povoação. A penha, a ela sobranceira, deve ter sido fortificada desde a mais remota antiguidade. O seu altaneiro castelo deve ter sido mandado levantar por D. Sancho I que teve a clara intuição política de fortificar a Beira para a defesa do centro do País, contra os inimigos seculares, o leonês que estava para lá do Erges e o mouro para lá do Tejo.

Penha Garcia recebeu Foral D.Afonso III, em 31 de Outubro de 1256. No documento se diz que se dá aos moradores de Penha Garcia o foro, usos e costumes de Penamacor. Realenga então, Penha Garcia assim continuou até ao tempo de D.Dinis, que em 1303 a doou aos Templários, na pessoa do seu mestre Vasco Fernandes. Dos Templários passou para Ordem de Cristo e, no século XVI, com a integração das ordens militares na coroa, volta novamente à posse régia. D.Manuel I concedera-lhe foral novo, em Santarém, a 1 de Junho de 1510.


A sua comenda pertence, a partir do século XVII, à Casa do Conde de São Vicente da Beira. Foi couto do reino, ou de homiziados, que D.Maria I extinguiu (como todos os outros) por uma lei de 1790.

Em 6 de Novembro de 1836, dava-se a extinção do concelho de Penha Garcia. A partir daí, passou a fazer parte do concelho de Monsanto até à sua extinção em 1855, data em que passou para o município de Idanha-a-Nova.
exif / informação técnica
Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D3100
Exposição: 1/400 sec
Exposição (EV+/-): -0.3 step
Abertura: f/11
ISO: 200
Dist.Focal: 18mm
Dist.Focal (35mm): 27 mm
Software: Ver.1.01

favorita de 88
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
Penha Garcia
Penha Garcia é uma freguesia portuguesa do concelho de Idanha-a-Nova , com 128,42 km² de área e 748 habitantes (2011). Altitude média: 480m.

A região é fértil em vestígios pré-históricos e romanos, estes últimos bem documentados nas ruínas da capela de S.Lourenço.

De um castro lusitano, em que a serra de Penha Garcia é abundante, deve ter resultado a actual povoação. A penha, a ela sobranceira, deve ter sido fortificada desde a mais remota antiguidade. O seu altaneiro castelo deve ter sido mandado levantar por D. Sancho I que teve a clara intuição política de fortificar a Beira para a defesa do centro do País, contra os inimigos seculares, o leonês que estava para lá do Erges e o mouro para lá do Tejo.

Penha Garcia recebeu Foral D.Afonso III, em 31 de Outubro de 1256. No documento se diz que se dá aos moradores de Penha Garcia o foro, usos e costumes de Penamacor. Realenga então, Penha Garcia assim continuou até ao tempo de D.Dinis, que em 1303 a doou aos Templários, na pessoa do seu mestre Vasco Fernandes. Dos Templários passou para Ordem de Cristo e, no século XVI, com a integração das ordens militares na coroa, volta novamente à posse régia. D.Manuel I concedera-lhe foral novo, em Santarém, a 1 de Junho de 1510.


A sua comenda pertence, a partir do século XVII, à Casa do Conde de São Vicente da Beira. Foi couto do reino, ou de homiziados, que D.Maria I extinguiu (como todos os outros) por uma lei de 1790.

Em 6 de Novembro de 1836, dava-se a extinção do concelho de Penha Garcia. A partir daí, passou a fazer parte do concelho de Monsanto até à sua extinção em 1855, data em que passou para o município de Idanha-a-Nova.
Tag’s: Penha Garcia,Idanha a Nova,Castelo de Penha Garcia,Portugal
comentários
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D3100
Exposição: 1/400 sec
Exposição (EV+/-): -0.3 step
Abertura: f/11
ISO: 200
Dist.Focal: 18mm
Dist.Focal (35mm): 27 mm
Software: Ver.1.01