foto user
Errante
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Outros/Para ti...
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Outros/Para ti...
voltar lista nav-leftnav-right

Para ti...

fotografias > 

Outros

2004-01-25 17:18:01
comentários (9) galardões descrição exif favorita de (2)
descrição
exif / informação técnica
Maquina: Panasonic�
Modelo: DMC-F1�
Exposição: 1/250 sec
Abertura: f 2.8
ISO: 100
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Flash, Auto-Mode
Dist.Focal: 5.8 mm

Ès menina insegura…na candura do gesto e no serrar dos olhos, és doce no entreabrir dos lábios de sabor e textura de mel em leite, é a inocência que me carrega de uma ternura de crer…
Quando mergulho no teu espelho, vejo para lá, mais do que teu rosto, mergulho em ti, num todo absorvente, nessa beleza que me fascina e da qual desconfias numa insegurança de menina.
E assim…pegas no teu lápis de riscos como guerreira que se prepara de arma e escudo, com mais um traço mascaras-te de mulher fatal. Depois… Sais! Marcando um passo altivo, arrebatando olhares e atenções, jogando e brincado com o puzzle do desejo.
Mas…eu, eu vejo quando mergulho no teu espelho, o mais secreto local onde guardas a tua insegurança de menina…
favorita de 2
galardões
  • galardão a nossa escolha
    a nossa
    escolha
  • galardão popular
    foto
    popular
galardões
  • galardão a nossa escolha
    a nossa
    escolha
  • galardão popular
    foto
    popular

Maquina: Panasonic�
Modelo: DMC-F1�
Exposição: 1/250 sec
Abertura: f 2.8
ISO: 100
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Flash, Auto-Mode
Dist.Focal: 5.8 mm

Ès menina insegura…na candura do gesto e no serrar dos olhos, és doce no entreabrir dos lábios de sabor e textura de mel em leite, é a inocência que me carrega de uma ternura de crer…
Quando mergulho no teu espelho, vejo para lá, mais do que teu rosto, mergulho em ti, num todo absorvente, nessa beleza que me fascina e da qual desconfias numa insegurança de menina.
E assim…pegas no teu lápis de riscos como guerreira que se prepara de arma e escudo, com mais um traço mascaras-te de mulher fatal. Depois… Sais! Marcando um passo altivo, arrebatando olhares e atenções, jogando e brincado com o puzzle do desejo.
Mas…eu, eu vejo quando mergulho no teu espelho, o mais secreto local onde guardas a tua insegurança de menina…