foto user
José Ramos
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Paisagem Urbana/O Encontro
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Paisagem Urbana/O Encontro
voltar lista nav-leftnav-right
descrição
Fotografar lugares turísticos e despidos de elementos naturais é algo que faço com pouca frequência. Para mim, o processo é sempre tão importante como o produto final, e é na Natureza pura que me sinto de regresso a uma casa que me acolhe sem reservas.

Apesar disto, existem sem dúvida criações da Humanidade que são não só homenagens ao mundo Natural, mas que também o simbolizam no seu próprio corpo. Estruturas orgânicas, complexas, recheadas de detalhes, que aquecem instintivamente o coração a quem as olha, sem necessidade da intelectualização forçada de que tantas vezes necessitam os objectos artísticos pouco cativantes.

Visitar estes locais enche-me sempre a alma, desde que não estejam invadidos por um caos turístico e ruído que lhes abafe a dimensão e impacto. Felizmente, fotografá-los debaixo da melhor luz implica necessariamente o prazer de os contemplar fora das horas mais turísticas, quando as pessoas ainda dormem ou já rumaram em direcção a casa.

É nestes momentos que abro uma excepção, em que me faz pleno sentido guardar estes locais na alma e na câmara. São os momentos em que as duas belezas se sintonizam e encontram: a força da criação Humana imortalizada pela dança da luz da Natureza.

Sony a7R + Laowa 10-18mm f4.5-f5.6 | Exposure: 30 seconds | Aperture: f11 | ISO: 50 | 4 stops Medium Grad Nisi; 4 stops full ND Nisi 100mm | FLM Tripod
exif / informação técnica
Máquina: SONY
Modelo: ILCE-7R
Exposição: 30/1
Abertura: f/1.0
ISO: 50
Software: Adobe Photoshop 22.0 (Windows)
favorita de 39
galardões
  • galardão a nossa escolha
    a nossa
    escolha
  • galardão curador
    curador
  • galardão curador
    curador
O Encontro
Fotografar lugares turísticos e despidos de elementos naturais é algo que faço com pouca frequência. Para mim, o processo é sempre tão importante como o produto final, e é na Natureza pura que me sinto de regresso a uma casa que me acolhe sem reservas.

Apesar disto, existem sem dúvida criações da Humanidade que são não só homenagens ao mundo Natural, mas que também o simbolizam no seu próprio corpo. Estruturas orgânicas, complexas, recheadas de detalhes, que aquecem instintivamente o coração a quem as olha, sem necessidade da intelectualização forçada de que tantas vezes necessitam os objectos artísticos pouco cativantes.

Visitar estes locais enche-me sempre a alma, desde que não estejam invadidos por um caos turístico e ruído que lhes abafe a dimensão e impacto. Felizmente, fotografá-los debaixo da melhor luz implica necessariamente o prazer de os contemplar fora das horas mais turísticas, quando as pessoas ainda dormem ou já rumaram em direcção a casa.

É nestes momentos que abro uma excepção, em que me faz pleno sentido guardar estes locais na alma e na câmara. São os momentos em que as duas belezas se sintonizam e encontram: a força da criação Humana imortalizada pela dança da luz da Natureza.

Sony a7R + Laowa 10-18mm f4.5-f5.6 | Exposure: 30 seconds | Aperture: f11 | ISO: 50 | 4 stops Medium Grad Nisi; 4 stops full ND Nisi 100mm | FLM Tripod
Tag’s: belém,torre de belém,lisboa,lisbon,portugal,pôr do sol,longa exposição,arquitectura,monumento,cultura
comentários
galardões
  • galardão a nossa escolha
    a nossa
    escolha
  • galardão curador
    curador

Máquina: SONY
Modelo: ILCE-7R
Exposição: 30/1
Abertura: f/1.0
ISO: 50
Software: Adobe Photoshop 22.0 (Windows)

favorita de (39)