foto user
Acelina
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Outros/Negra E Sombria Solidão
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Outros/Negra E Sombria Solidão
voltar lista nav-leftnav-right

Negra E Sombria Solidão

fotografias > 

Outros

2012-07-16 00:24:51
comentários (58) galardões descrição exif favorita de (25)
descrição
Por sugestão da Milla (olhares.com/theblackcat ) aqui vai um extraordinário poema de Edgar Allan Poe.
Obrigado, amiga! Beijo


ALONE

Desde a infância eu tenho sido
Diferente d'outros – tenho visto
D'outro modo – minhas paixões
Tinham uma outra fonte e
Minhas mágoas outra origem -
No mesmo tom não despertava
O meu coração para a alegria -
O que amei – eu amei só.
Então – na infância – a aurora
Da vida atormentada – estava
Em cada nicho de bem e mal
O mistério que me prendia -
Da correnteza, da fonte -
Da escarpas rubras do monte -
Do sol que me rodeava
Em pleno outono dourado -
Do relâmpago nos céus
Quando sobre mim passava -
Do trovão, da tormenta -
E a nuvem tem a forma
(Quando o resto do céu é azul)
D'um demônio aos meus olhos.

(Edgar Allan Poe)
exif / informação técnica
Máquina: Canon
Modelo: Canon EOS 1100D
Exposição: 1/320
Abertura: f/7.1
ISO: 100
MeteringMode: Pattern
Flash: Não
Dist. Focal: 75 mm
Dist. Focal 35mm: 176.69 mm
Software: PhotoScape

favorita de 25
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
Negra E Sombria Solidão
Por sugestão da Milla (olhares.com/theblackcat ) aqui vai um extraordinário poema de Edgar Allan Poe.
Obrigado, amiga! Beijo


ALONE

Desde a infância eu tenho sido
Diferente d'outros – tenho visto
D'outro modo – minhas paixões
Tinham uma outra fonte e
Minhas mágoas outra origem -
No mesmo tom não despertava
O meu coração para a alegria -
O que amei – eu amei só.
Então – na infância – a aurora
Da vida atormentada – estava
Em cada nicho de bem e mal
O mistério que me prendia -
Da correnteza, da fonte -
Da escarpas rubras do monte -
Do sol que me rodeava
Em pleno outono dourado -
Do relâmpago nos céus
Quando sobre mim passava -
Do trovão, da tormenta -
E a nuvem tem a forma
(Quando o resto do céu é azul)
D'um demônio aos meus olhos.

(Edgar Allan Poe)
comentários
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: Canon
Modelo: Canon EOS 1100D
Exposição: 1/320
Abertura: f/7.1
ISO: 100
MeteringMode: Pattern
Flash: Não
Dist. Focal: 75 mm
Dist. Focal 35mm: 176.69 mm
Software: PhotoScape


favorita de (25)