foto user
João C. S. Rodrigues
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
História/Igreja Matriz Sernancelhe II
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
História/Igreja Matriz Sernancelhe II
voltar lista nav-leftnav-right

Igreja Matriz Sernancelhe II

fotografias > 

História

2006-10-17 17:58:55
comentários (18) galardões descrição exif favorita de (4)
descrição
A Igreja Matriz, considerada a mais bela Igreja românica da Beira, é o mais significativo monumento da vila. Foi construida em fins do Século XII. O traçado românico, genuíno e purificado, está presente na singular cachorrada que envolve a capela-mor com uma iconografia obediente aos esquemas do tempo, na cercadura de esferas que percorre as empenas da ábside, nas multiplicadas siglas e na originalidade do pórtico, constituído por três arquivoltas (simples as exteriores, a do centro formada por uma teoria de dez arcanjos de asas abertas).
exif / informação técnica
Modelo: DSC �
Exposição: 1/412 sec
Abertura: f 5.72
ISO: 70
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Unknown: 30
Dist.Focal: 7.654 mm

De um e outro lado do portal abrem-se dois nichos cada um ocupado por três figuras, sob um dossel, tão fortemente impressivas que nos esquecemos a olhar, a divinhar o seu mistério, a celebrar a sua missão de apóstolos. A torre sineira, de planta quadrangular, ostenta a data de 1636, época de grande remodelação no corpo da igreja.
favorita de 4
galardões
Esta foto não tem galardões
Igreja Matriz Sernancelhe II
A Igreja Matriz, considerada a mais bela Igreja românica da Beira, é o mais significativo monumento da vila. Foi construida em fins do Século XII. O traçado românico, genuíno e purificado, está presente na singular cachorrada que envolve a capela-mor com uma iconografia obediente aos esquemas do tempo, na cercadura de esferas que percorre as empenas da ábside, nas multiplicadas siglas e na originalidade do pórtico, constituído por três arquivoltas (simples as exteriores, a do centro formada por uma teoria de dez arcanjos de asas abertas).
comentários
galardões
Esta foto não tem galardões

Modelo: DSC �
Exposição: 1/412 sec
Abertura: f 5.72
ISO: 70
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Unknown: 30
Dist.Focal: 7.654 mm

De um e outro lado do portal abrem-se dois nichos cada um ocupado por três figuras, sob um dossel, tão fortemente impressivas que nos esquecemos a olhar, a divinhar o seu mistério, a celebrar a sua missão de apóstolos. A torre sineira, de planta quadrangular, ostenta a data de 1636, época de grande remodelação no corpo da igreja.

favorita de (4)