foto user
Marina Aguiar
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Retratos/Enlevo de Mãe
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Retratos/Enlevo de Mãe
voltar lista nav-leftnav-right

Enlevo de Mãe

fotografias > 

Retratos

2010-05-02 12:31:20
comentários (141) galardões descrição exif favorita de (44)
descrição
(Foto efectuada nos arredores de Chennai, Índia)
............................................

Hoje, "Dia da Mãe” dedico este registo à minha mãe que já não vejo há anos (por viver em África) e de quem tenho tantas saudades!

Um grande beijo para ti, Mãe!

………………………………………………………………..

Para Sempre

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
— mistério profundo —
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

(Carlos Drummond de Andrade, in 'Lição de Coisas' )

exif / informação técnica
Máquina: Canon
Modelo: Canon EOS 350D DIGITAL
Exposição: 1/80
Abertura: f/5.6
ISO: 400
MeteringMode: Pattern
Flash: Sim
Dist.Focal: 75 mm

favorita de 44
galardões
  • galardão comentários
    125
    comentários
  • galardão popular
    foto
    popular
Enlevo de Mãe
(Foto efectuada nos arredores de Chennai, Índia)
............................................

Hoje, "Dia da Mãe” dedico este registo à minha mãe que já não vejo há anos (por viver em África) e de quem tenho tantas saudades!

Um grande beijo para ti, Mãe!

………………………………………………………………..

Para Sempre

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.
Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
— mistério profundo —
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.

(Carlos Drummond de Andrade, in 'Lição de Coisas' )

comentários
galardões
  • galardão comentários
    125
    comentários
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: Canon
Modelo: Canon EOS 350D DIGITAL
Exposição: 1/80
Abertura: f/5.6
ISO: 400
MeteringMode: Pattern
Flash: Sim
Dist.Focal: 75 mm


favorita de (44)