menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar

626 Fotos Inseridas
0 Fotos em Nossa Escolha
0 Fotos Populares
0 Autores Favoritos
Favorito de 5 Autores
No Olhares desde 01-05-2009

Amarilis Lopes

Porto,
//olhares.com/Lilipor

Nasceu no Porto. Dedicou-se ao ensino (actualmente aposentada). Expôs no Café-Concerto do Teatro Rivoli (Porto), na UATIP (Porto), no Centro Paroquial de Araújo(Matosinhos) e na Junta de Freguesia de Custóias (Matosinhos). Dos mais de 80 países já visitados nos cinco continentes, recolheu, através da fotografia, paisagens, arquitecturas, gente, costumes exóticos e sabores estranhos que ressaltam dos seus registos.

"Na procura de si própria, ultrapassa as suas fronteiras deslumbrando-se com o Mundo. As viagens são o seu sopro de vida e as fotografias que realiza são o encantamento que lhe permite continuar na demanda, no longo caminho de conhecer, conhecendo...
(...) Ao compartilhar as suas imagens, Amarílis dá a conhecer emoções na procura de cumplicidades... Assim, longe de exibicionismos técnicos, de câmaras fotográficas sofisticadas, as imagens que agora podemos apreciar, impelem-nos a partilhar momentos únicos em lugares distantes (...)". Maria Amélia Paiva, Prof.de História de Arte, in catálogo de exposição "Cinco Continentes - memórias fotográficas"

. . . . . . . . . . . . . Informação à "navegação olheira":
Nenhuma das fotos que integraram as minhas exposições, acima referidas, estão reproduzidas aqui nesta minha página de "Olhares". Todas essas fotografias foram captadas pela forma tradicional, ou seja, pelo processo analógico. Só muito recentemente é que aderi ao digital e, assim, as imagens aqui e agora expostas foram tiradas somente por este processo.
Mais esclareço que esta paixão pela captura de imagens não tem muitos anos. Tempos houve que nas minhas muitas viagens mundo fora, tinha que pedir aos companheiros de jornada que me fizessem as fotos que pretendia. Sou 100% amadora nesta difícil tarefa de fotografar. Tendo parcos, ou mesmo nulos, conhecimentos técnicos , faço os possíveis , nos limites da câmara e objectiva usadas, por captar imagens com um mínimo do que entendo ser qualidade técnico-estética. Sempre entendi que para se obter uma boa imagem não é necessário ter-se material muito sofisticado e caro. Assim, na minha era digital (que ainda não domino como gostaria) comecei com uma máquina Olympus Miu Digital 600 de 6 Megapixels, a qual teve uma grave avaria durante uma viagem a Madagáscar obrigando-me à sua substituição pela actual Fujifilm Finepix F50 fd de 12 megapixels. Como se constata tanto a antiga como a actual máquina fotográfica são compactas de formato reduzido, ou seja, de bolso e com zoom pequeno e daí a qualidade das imagens não ser a desejável mas ,sim , a possível. Asseguro que as fotos constantes nas minhas galerias de "Olhares" foram efectuadas sem tripé e tampouco foram trabalhadas ou tratadas em programas do tipo "photoshop".



Fotos recentes de Amarilis Lopes