foto user
Antonio Ramos
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Outros/ Nazaré - I
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Outros/ Nazaré - I
voltar lista nav-leftnav-right

Nazaré - I

fotografias > 

Outros

2021-09-02 10:48:57
comentários (46) galardões descrição exif favorita de (51)
descrição
A Nazaré é uma vila portuguesa, do distrito de Leiria, sede do município homónimo e com cerca de 10 300 habitantes. Situada na província da Estremadura integrando a Comunidade Intermunicipal do Oeste na região do Centro.
O pequeno município da Nazaré tem 82,43 km² de área e 15 158 habitantes (2011), e está subdividido em 3 freguesias. O município é rodeado a norte, leste e sul pelo município de Alcobaça e a oeste confina com Oceano Atlântico.
A vila está localizada a 99 km a norte de Lisboa (122 km via A8, ou 128 km via IC2 / A1), a 220 km a sul do Porto (224 km via IC2 / A1, ou 215 km via A17), e a 88 km a sudoeste de Coimbra (109 km via A1 / A8).
O município, e a freguesia designaram-se Pederneira até 1912, ano em que, por lei, o topónimo foi alterado para Nazaré. O antigo concelho da Pederneira teve foral, em 1514, dado por D. Manuel I, e esteve integrado nos coutos de Alcobaça.
A Pederneira, actualmente um dos bairros da vila da Nazaré, mantém ainda o edifício dos antigos Paços do Concelho, o pelourinho, a igreja Matriz de nossa Senhora das Areias e a igreja da Misericórdia, como testemunhos da sua antiga condição de vila sede de concelho.
O topónimo Nazaré está intrinsecamente ligado à Lenda de Nossa Senhora da Nazaré.
Ao longo do século XX, a Nazaré evoluiu progressivamente de uma vila piscatória para uma vila dedicada ao turismo, tendo sido um dos primeiros pontos de interesse turístico internacional em Portugal. A indústria do turismo é hoje um dos principais empregadoras da vila.
Faz parte da tradição nazarena o uso de sete saias pelas suas mulheres. A explicação não é consensual, mas está intimamente ligada à faina: as nazarenas tinham o hábito de esperar os maridos e filhos, da volta da pesca, na praia, sentadas no areal, passando aí horas em vigília. Usavam as várias saias para se cobrirem, as de cima para proteger a cabeça e ombros da maresia e as restantes para tapar as pernas.
As sete saias das mulheres e a camisa de flanela e barrete preto dos homens atraíram, durante os anos 50 e 60, do século passado, nomes como Lino António, Jorge Barradas, Stanley Kubrick ou Cartier-Bresson, que documentaram, em pintura e fotografia, o dia-a-dia do povo nazareno.
É hoje impossível falar da Nazaré sem referir o recorde mundial da maior onda já surfada, de 30 metros, estabelecido por Garrett McNamara, na Praia do Norte, em Novembro de 2011.
Devido à projeção mundial que têm as ondas gigantes da Nazaré, a vila tornou-se na anfitriã dos maiores campeonatos internacionais de surf e recebe muitos desportistas dessa modalidade, assim como milhares de curiosos e de turistas que vêm apreciar as suas corajosas demonstrações.

exif / informação técnica
Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D3300
Exposição: 10/4000
Abertura: f/10.0
ISO: 200
Distância Focal: 180/10
Software: Ver.1.00
favorita de 51
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
Nazaré - I
A Nazaré é uma vila portuguesa, do distrito de Leiria, sede do município homónimo e com cerca de 10 300 habitantes. Situada na província da Estremadura integrando a Comunidade Intermunicipal do Oeste na região do Centro.
O pequeno município da Nazaré tem 82,43 km² de área e 15 158 habitantes (2011), e está subdividido em 3 freguesias. O município é rodeado a norte, leste e sul pelo município de Alcobaça e a oeste confina com Oceano Atlântico.
A vila está localizada a 99 km a norte de Lisboa (122 km via A8, ou 128 km via IC2 / A1), a 220 km a sul do Porto (224 km via IC2 / A1, ou 215 km via A17), e a 88 km a sudoeste de Coimbra (109 km via A1 / A8).
O município, e a freguesia designaram-se Pederneira até 1912, ano em que, por lei, o topónimo foi alterado para Nazaré. O antigo concelho da Pederneira teve foral, em 1514, dado por D. Manuel I, e esteve integrado nos coutos de Alcobaça.
A Pederneira, actualmente um dos bairros da vila da Nazaré, mantém ainda o edifício dos antigos Paços do Concelho, o pelourinho, a igreja Matriz de nossa Senhora das Areias e a igreja da Misericórdia, como testemunhos da sua antiga condição de vila sede de concelho.
O topónimo Nazaré está intrinsecamente ligado à Lenda de Nossa Senhora da Nazaré.
Ao longo do século XX, a Nazaré evoluiu progressivamente de uma vila piscatória para uma vila dedicada ao turismo, tendo sido um dos primeiros pontos de interesse turístico internacional em Portugal. A indústria do turismo é hoje um dos principais empregadoras da vila.
Faz parte da tradição nazarena o uso de sete saias pelas suas mulheres. A explicação não é consensual, mas está intimamente ligada à faina: as nazarenas tinham o hábito de esperar os maridos e filhos, da volta da pesca, na praia, sentadas no areal, passando aí horas em vigília. Usavam as várias saias para se cobrirem, as de cima para proteger a cabeça e ombros da maresia e as restantes para tapar as pernas.
As sete saias das mulheres e a camisa de flanela e barrete preto dos homens atraíram, durante os anos 50 e 60, do século passado, nomes como Lino António, Jorge Barradas, Stanley Kubrick ou Cartier-Bresson, que documentaram, em pintura e fotografia, o dia-a-dia do povo nazareno.
É hoje impossível falar da Nazaré sem referir o recorde mundial da maior onda já surfada, de 30 metros, estabelecido por Garrett McNamara, na Praia do Norte, em Novembro de 2011.
Devido à projeção mundial que têm as ondas gigantes da Nazaré, a vila tornou-se na anfitriã dos maiores campeonatos internacionais de surf e recebe muitos desportistas dessa modalidade, assim como milhares de curiosos e de turistas que vêm apreciar as suas corajosas demonstrações.

Tag’s: Porto,Maia,Matosinhos,Nazaré,Leiria,Figueira da Foz,Torres Vedras,Peniche,V.N.Gaia,Viana do Castelo
comentários
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D3300
Exposição: 10/4000
Abertura: f/10.0
ISO: 200
Distância Focal: 180/10
Software: Ver.1.00

favorita de (51)